PUBLICIDADE
Topo

Blog do Juca Kfouri

Luciano, o visitante indigesto

só para assinantes

Juca Kfouri

03/07/2022 18h00

Não fossem dois pênaltis marcados em seguida, primeiramente para o São Paulo e depois para o Atlético Goianiense, e primeiro tempo em Goiânia teria sido de matar de tédio.

Mas os penais convertidos por Luciano e por Marlon Freitas, aos 24 e aos 29 minutos, deram emoção ao jogo que se arrastava penosamente até que veio o intervalo.

O assoprador de apito distribuía cartões amarelos a granel, dez em 55 minutos de jogos, cinco para o Tricolor.

O meio de campo paulista não criava nem caso e o rubro-negro goiano buscava transições sem intermediação na etapa final, mais animada do ponto de vista da competitividade, ainda paupérrima tecnicamente.

Aos 17', Luciano desempatou de puxeta ao receber passe precioso da cabeça de Jeferson, do Atlético.

Luciano havia feito dois gols em Santiago, pela Sula, e fazia mais dois pelo Brasileirão, um visitante indigesto para dar a primeira vitória são-paulina fora de casa no campeonato.

Para o torcedor tricolor que reclama da queda de rendimento do time no segundo tempo, desta vez não havia por que protestar: a equipe jogava igualmente mal nos dois períodos. Mas ganhava.

Luciano levou o sexto cartão amarelo do São Paulo no jogo e saiu para Rigoni jogar. O artilheiro já tinha deixado seu cartão de visitas no estádio e para o time que o viram nascer profissionalmente no futebol.

Luciano, Diego Costa, Léo, Gabriel Neves, que levou o sétimo cartão, e Rodrigo Nestor estão suspensos e não enfrentarão o Galo, em BH, no domingo.

O que tornará ainda mais difícil que o time de Rogério Ceni volte a vencer fora de casa.

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do UOL

Sobre o Autor

Juca Kfouri é formado em Ciências Sociais pela USP. Diretor das revistas Placar (de 1979 a 1995) e da Playboy (1991 a 1994). Comentarista esportivo do SBT (de 1984 a 1987) e da Rede Globo (de 1988 a 1994). Participou do programa Cartão Verde, da Rede Cultura, entre 1995 e 2000 e apresentou o Bola na Rede, na RedeTV, entre 2000 e 2002. Voltou ao Cartão Verde em 2003, onde ficou até 2005. Apresentou o programa de entrevistas na rede CNT, Juca Kfouri ao vivo, entre 1996 e 1999 e foi colaborador da ESPN-Brasil entre 2005 e 2019. Colunista de futebol de “O Globo” entre 1989 e 1991 e apresentador, de 2000 até 2010, do programa CBN EC, na rede CBN de rádio. Foi colunista da Folha de S.Paulo entre 1995 e 1999, quando foi para o diário Lance!, onde ficou até voltar, em 2005, para a Folha, onde permanece com sua coluna três vezes por semana. Apresenta, também, o programa Entre Vistas, na TVT, desde janeiro de 2018.

Colunas na Folha: https://www1.folha.uol.com.br/colunas/jucakfouri/

Blog do Juca Kfouri