PUBLICIDADE
Topo

Histórico

Categorias

Blog do Juca Kfouri

Goleiro uruguaio evita classificação do São Paulo

Juca Kfouri

12/05/2021 20h53

O que é mais importante, a Libertadores ou o Paulistinha?

Claro que é o torneio continental!

E por que o São Paulo optou por jogar com reservas contra o Rentistas para preservar os titulares que enfrentarão a Ferroviária na sexta-feira?

Porque é muito mais difícil ganhar a Libertadores que o Paulistinha e o São Paulo precisa de um título, qualquer um, com urgência.

Além do mais, a classificação na Libertadores está praticamente assegurada.

E lá se foram os reservas para Montevidéu para logo aos 4 minutos abrirem o placar na cabeça de Orejuela em cobrança de escanteio.

Parecia tudo encaminhado, mas só parecia, porque uma bobeada da zaga tricolor valeu, oito minutos depois, também depois de escanteio, o empate uruguaio, com González.

E todo o resto do primeiro tempo transcorreu sem nada de palpitante.

Já o segundo tempo começou a mil e logo aos 2 minutos Vitor Bueno teve a chance do 2 a 1, em cobrança de pênalti e defesa do goleiro Rossi.

Hernán Crespo mexeu o que pôde, mas assim mesmo o jogo se aproximava do fim e, embora o Tricolor jogasse melhor, nada de gol.

Rodrigo Nestor ia fazendo gol de placa depois de fazer fila na defesa uruguaia dentro da área, aos 78', mas Rossi evitou de novo o que seria o tento da classificação antecipada para as oitavas de final.

O Flamengo está em busca de goleiro?

Olhe para Rossi, 22 anos, 1,86m, que pela terceira vez evitou gol brasileiro, de Wellington, de fora da área.

Verdade que por duas vezes ele pegou infantilmente bolas recuadas e na segunda o gol foi salvo na linha fatal, em arremate de Hernanes.

O São Paulo segue líder da chave e merecia melhor sorte.

Sobre o Autor

Juca Kfouri é formado em Ciências Sociais pela USP. Diretor das revistas Placar (de 1979 a 1995) e da Playboy (1991 a 1994). Comentarista esportivo do SBT (de 1984 a 1987) e da Rede Globo (de 1988 a 1994). Participou do programa Cartão Verde, da Rede Cultura, entre 1995 e 2000 e apresentou o Bola na Rede, na RedeTV, entre 2000 e 2002. Voltou ao Cartão Verde em 2003, onde ficou até 2005. Apresentou o programa de entrevistas na rede CNT, Juca Kfouri ao vivo, entre 1996 e 1999 e foi colaborador da ESPN-Brasil entre 2005 e 2019. Colunista de futebol de “O Globo” entre 1989 e 1991 e apresentador, de 2000 até 2010, do programa CBN EC, na rede CBN de rádio. Foi colunista da Folha de S.Paulo entre 1995 e 1999, quando foi para o diário Lance!, onde ficou até voltar, em 2005, para a Folha, onde permanece com sua coluna três vezes por semana. Apresenta, também, o programa Entre Vistas, na TVT, desde janeiro de 2018.

Colunas na Folha: https://blogdojuca.uol.com.br/lista-colunas-na-folha/

Blog do Juca Kfouri