PUBLICIDADE
Topo

Histórico

Categorias

Blog do Juca Kfouri

O pé-frio do século 21

Juca Kfouri

02/12/2020 14h28

Perto dele Mick Jagger é fichinha.

Ninguém traz tanto azar como o presidente que infelicita o Brasil.

Que previu "apenas" 3 mil mortos, como se fosse pouco, vítimas do que chamou de "gripezinha" e que já matou mais de 173 mil brasileiros.

Ele levantou a taça conquistada pelo Palmeiras e o Alviverde nunca mais ganhou nada importante.

Posou com o fã Felipe Melo e o volante baixou hospital.

Fotografou com Marcelinho Carioca e o cara não só teve votação pífia para vereador em São Paulo como vê o Corinthians lutando contra o rebaixamento.

E o Flamengo de Rodolfo Landim? Uma eliminação atrás da outra.

Até Jorge Jesus acabou azarado por ele porque mudou de ares e o Benfica desandou.

Pior aconteceu com os políticos que apoiou.

Maurício Macri, coitado, levou uma surra na Argentina ao tentar se reeleger.

Donald Trump, então, nem se fala.

Em São Paulo ele pediu votos para Celso Russomano que nem para o segundo turno foi.

Marcelo Crivella até foi, mas teria sido melhor não ir, tamanha a vergonha por que passou.

O cara é o Midas ao contrário: onde toca, dá merda, Sergio Moro que o diga, desmoralizado completamente, agora a serviço da Odebrechet.

Use máscara, lave as mãos, evite aglomeração, fique em casa se puder e, se encontrá-lo, corra, não permita que ele toque em você.

Se tocar, bata três vezes na madeira, pé de pato, mangalô, três vezes.

Sobre o Autor

Juca Kfouri é formado em Ciências Sociais pela USP. Diretor das revistas Placar (de 1979 a 1995) e da Playboy (1991 a 1994). Comentarista esportivo do SBT (de 1984 a 1987) e da Rede Globo (de 1988 a 1994). Participou do programa Cartão Verde, da Rede Cultura, entre 1995 e 2000 e apresentou o Bola na Rede, na RedeTV, entre 2000 e 2002. Voltou ao Cartão Verde em 2003, onde ficou até 2005. Apresentou o programa de entrevistas na rede CNT, Juca Kfouri ao vivo, entre 1996 e 1999 e foi colaborador da ESPN-Brasil entre 2005 e 2019. Colunista de futebol de “O Globo” entre 1989 e 1991 e apresentador, de 2000 até 2010, do programa CBN EC, na rede CBN de rádio. Foi colunista da Folha de S.Paulo entre 1995 e 1999, quando foi para o diário Lance!, onde ficou até voltar, em 2005, para a Folha, onde permanece com sua coluna três vezes por semana. Apresenta, também, o programa Entre Vistas, na TVT, desde janeiro de 2018.

Colunas na Folha: https://blogdojuca.uol.com.br/lista-colunas-na-folha/

Blog do Juca Kfouri