PUBLICIDADE
Topo

Histórico

Categorias

NBA: os homens e os meninos

Juca Kfouri

01/10/2020 00h35

Você faz ideia do que seja acompanhar três jogos de futebol ao mesmo tempo: Flamengo, São Paulo e Corinthians tornaram obrigatório o sacrifício.

Sacrifício porque, embora adore futebol, não dá prazer algum seguir três telas, se guiar pela subida de voz dos locutores, enfim…

Mas ontem haveria uma compensação: ver o segundo tempo de Los Angeles Lakers e Miami Heat.

Qual o quê!

Trabalho feito, notas dos jogos aqui publicadas, vamos ao basquete.

E os Lakers estavam 30 pontos na frente.

30 pontos!!!

Em playoff decisivo da NBA?!!!

Ora, meninos da Flórida, porque não deixaram a camisa pesada do Boston Celtic enfrentar LA?

Até porque, maior campeão, com 17 títulos, Boston tudo faria para evitar o 17º título também de LA.

Para você ter uma ideia, Chicago Bulls, o terceiro, tem apenas seis títulos. E Miami, três.

E como desgraça pouca é bobagem, se duvidar, Miami ainda perdeu, por lesão, o esloveno Goran Dragic e Bam Adebayo.

Fato é que o jogo físico de LeBron James (25 pontos, 13 rebotes e 9 assistências) e Antony Davis (34, 9 e 5) parece ter assustado os meninos de Miami.

E o jogo não teve a menor graça.

A ponto de Rômulo Mendonça parecer um lord na ESPN, comportado, para alegria dos vizinhos dele…

E o resultado final, 116 a 98, menos acachapante, nem revela o que foi o jogo.

Porque enquanto LA relaxou nos minutos finais, Miami foi em busca de diminuir o massacre.

Que sexta-feira, 22h, seja mais equilibrado.

Porque uma varrida será enorme anticlímax.

Sobre o Autor

Juca Kfouri é formado em Ciências Sociais pela USP. Diretor das revistas Placar (de 1979 a 1995) e da Playboy (1991 a 1994). Comentarista esportivo do SBT (de 1984 a 1987) e da Rede Globo (de 1988 a 1994). Participou do programa Cartão Verde, da Rede Cultura, entre 1995 e 2000 e apresentou o Bola na Rede, na RedeTV, entre 2000 e 2002. Voltou ao Cartão Verde em 2003, onde ficou até 2005. Apresentou o programa de entrevistas na rede CNT, Juca Kfouri ao vivo, entre 1996 e 1999 e foi colaborador da ESPN-Brasil entre 2005 e 2019. Colunista de futebol de “O Globo” entre 1989 e 1991 e apresentador, de 2000 até 2010, do programa CBN EC, na rede CBN de rádio. Foi colunista da Folha de S.Paulo entre 1995 e 1999, quando foi para o diário Lance!, onde ficou até voltar, em 2005, para a Folha, onde permanece com sua coluna três vezes por semana. Apresenta, também, o programa Entre Vistas, na TVT, desde janeiro de 2018.

Colunas na Folha: https://blogdojuca.uol.com.br/lista-colunas-na-folha/

Blog do Juca Kfouri