PUBLICIDADE
Topo

Histórico

Categorias

Carta aberta ao ministro da Saúde

Juca Kfouri

24/03/2020 23h16

Caro ministro Mandetta,

o senhor tem duas alternativas apenas: ficar no governo e se desmoralizar perante seus pares médicos, ou pedir demissão.

Certamente não é fácil a segunda opção.

Significa deixar o sociopata mais à vontade.

Ocorre, senhor ministro, que estado algum da Federação dá ouvidos ao que ele fala, ou seja, neste momento estar no governo federal tanto faz como tanto fez.

Nem mesmo as milícias cariocas estão de acordo com o chefe.

Ao se calar diante da insânia por ele cometida, em rede nacional de televisão, o senhor consentirá.

Será a pior alternativa.

A Nação sensata, não tenha dúvida, subscreve esta carta.

Sobre o Autor

Juca Kfouri é formado em Ciências Sociais pela USP. Diretor das revistas Placar (de 1979 a 1995) e da Playboy (1991 a 1994). Comentarista esportivo do SBT (de 1984 a 1987) e da Rede Globo (de 1988 a 1994). Participou do programa Cartão Verde, da Rede Cultura, entre 1995 e 2000 e apresentou o Bola na Rede, na RedeTV, entre 2000 e 2002. Voltou ao Cartão Verde em 2003, onde ficou até 2005. Apresentou o programa de entrevistas na rede CNT, Juca Kfouri ao vivo, entre 1996 e 1999 e foi colaborador da ESPN-Brasil entre 2005 e 2019. Colunista de futebol de “O Globo” entre 1989 e 1991 e apresentador, de 2000 até 2010, do programa CBN EC, na rede CBN de rádio. Foi colunista da Folha de S.Paulo entre 1995 e 1999, quando foi para o diário Lance!, onde ficou até voltar, em 2005, para a Folha, onde permanece com sua coluna três vezes por semana. Apresenta, também, o programa Entre Vistas, na TVT, desde janeiro de 2018.

Colunas na Folha: https://blogdojuca.uol.com.br/lista-colunas-na-folha/

Blog do Juca Kfouri