PUBLICIDADE
Topo

Histórico

Categorias

João Cabral de Melo Neto, 100

Juca Kfouri

09/01/2020 19h08

POR ROBERTO VIEIRA

Meu nome é João Cabral,

não tenho outro de pia,

sou João como tantos outros,

na tristeza e na'legria.

João Cabral de Melo,

neto da aristocracia,

de severino nada tendo,

senão escritura da sesmaria.

Quando jovem joguei bola,

mil gols em terra batida,

todos por meu verde América,

em traves de sete medidas.

Quis o destino materno,

santa cruz por valia,

ser campeão com três cores,

distante de quem eu queria.

Parti pra léguas distantes,

métrica, poesia e rima,

montado num cão sem plumas,

entre dez mil aspirinas.

Por trinta e cinco a zero,

entrei onde não queria,

vestindo fardão, faca, lâmina,

caçula da Academia.

Mas nunca quis nada disso,

Vinícius eu me queria,

ou quem sabe me andar na areia,

tal qual Ademir da Guia…

Sobre o Autor

Juca Kfouri é formado em Ciências Sociais pela USP. Diretor das revistas Placar (de 1979 a 1995) e da Playboy (1991 a 1994). Comentarista esportivo do SBT (de 1984 a 1987) e da Rede Globo (de 1988 a 1994). Participou do programa Cartão Verde, da Rede Cultura, entre 1995 e 2000 e apresentou o Bola na Rede, na RedeTV, entre 2000 e 2002. Voltou ao Cartão Verde em 2003, onde ficou até 2005. Apresentou o programa de entrevistas na rede CNT, Juca Kfouri ao vivo, entre 1996 e 1999 e foi colaborador da ESPN-Brasil entre 2005 e 2019. Colunista de futebol de “O Globo” entre 1989 e 1991 e apresentador, de 2000 até 2010, do programa CBN EC, na rede CBN de rádio. Foi colunista da Folha de S.Paulo entre 1995 e 1999, quando foi para o diário Lance!, onde ficou até voltar, em 2005, para a Folha, onde permanece com sua coluna três vezes por semana. Apresenta, também, o programa Entre Vistas, na TVT, desde janeiro de 2018.

Colunas na Folha: https://blogdojuca.uol.com.br/lista-colunas-na-folha/

Blog do Juca Kfouri