Topo
Blog do Juca Kfouri

Blog do Juca Kfouri

Categorias

Histórico

A lesão de Neymar é a solução?

Juca Kfouri

05/06/2019 23h28

Neymar saiu de campo antes do 20° minuto do amistoso contra o Qatar.

Com aparente lesão séria no mesmo pé direito que já o tirou por meses do futebol.

Mas, de fato, uma entorse no tornozelo.

Estava sendo aplaudido pelo torcedor no Mané Garrincha e sua saída pode juntar o útil ao agradável.

Tirá-lo dos holofotes do escândalo em que se meteu e fazer a vontade dos que querem ver a Seleção Brasileira sem seu principal jogador.

Em que medida a condição psicológica do atacante colaborou para a lesão é resposta que só Freud pode dar, embora tenha sido claro o pisão que levou no tornozelo.

Minutos antes do começo do jogo o Jornal do SBT apresentou entrevista de Najila Trindade Mendes de Souza, a modelo com quem Neymar esteve em Paris e o denunciou.

Ela garantiu ao repórter Roberto Cabrini ter sido estuprada quando disse a ele que não transaria sem preservativo.

O vídeo dela batendo nele e justificando que o agredia por ter sido agredida no dia anterior já roda pelas redes (aqui).

A audiência da Globo elegeu Neymar como o craque do jogo…

Novo Sidão?

O gremista Everton substituiu Neymar.

Como treino, o jogo serviu, porque logo de cara Richarlison, aos 15 minutos, escorou de cabeça um passe de Daniel Alves, para abrir o placar e, dez minutos depois, Gabriel Jesus ampliou: 2 a 0.

Os campeões asiáticos pareciam mais perdidos que a própria perdição.

E, aos 38', o assoprador de apito ainda marcou um pênalti inexistente que o VAR tratou de anular.

Mais gols não saíram ainda no primeiro tempo por detalhe.

Num segundo tempo menos intenso, começaram as trocas.

Diante de 34 mil torcedores (onde cabem 72 mil), aos 18', Richarlison saiu e David Neris entrou.

Fernandinho substituiu Arthur e Lucas Paquetá entrou no lugar de Philippe Coutinho e assim por diante.

Um porre, enfim.

Como, em regra, são os treinos.

Nos acréscimos, Éderson fez pênalti, o VAR marcou e o Qatar desperdiçou, no travessão.

Sobre o Autor

Juca Kfouri é formado em Ciências Sociais pela USP. Diretor das revistas Placar (de 1979 a 1995) e da Playboy (1991 a 1994). Comentarista esportivo do SBT (de 1984 a 1987) e da Rede Globo (de 1988 a 1994). Participou do programa Cartão Verde, da Rede Cultura, entre 1995 e 2000 e apresentou o Bola na Rede, na RedeTV, entre 2000 e 2002. Voltou ao Cartão Verde em 2003, onde ficou até 2005. Apresentou o programa de entrevistas na rede CNT, Juca Kfouri ao vivo, entre 1996 e 1999. Atualmente está também na ESPN-Brasil. Colunista de futebol de “O Globo” entre 1989 e 1991 e apresentador, de 2000 até 2010, do programa CBN EC, na rede CBN de rádio. Foi colunista da Folha de S.Paulo entre 1995 e 1999, quando foi para o diário Lance!, onde ficou até voltar, em 2005, para a Folha.

Colunas na Folha: https://blogdojuca.uol.com.br/lista-colunas-na-folha/

Mais Blog do Juca Kfouri