Topo
Blog do Juca Kfouri

Blog do Juca Kfouri

Categorias

Histórico

Muita gente e pouco futebol nas decisões estaduais

Juca Kfouri

2015-04-20T19:07:00

15/04/2019 07h00

Quase 60 mil torcedores para verem um indigente 0 a 0 entre São Paulo e Corinthians, no Morumbi.

Mais de 45 mil para verem outro 0 a 0, no Gre-Nal, no Beira-Rio, também com predomínio das defesas.

Em São Paulo e no Rio Grande do Sul quem ganhar o jogo de volta leva e novos empates levarão a decisão à marca de pênaltis.

Arena Corinthians e Arena Grêmio serão os palcos, no sul já nesta quarta-feira.

51 mil torcedores viram o Cruzeiro ganhar do Atlético Mineiro no Mineirão por 2 a 1 e ficar a um empate do bicampeonato estadual.

O Galo deve levar o segundo jogo para o Horto.

Já no Rio, apenas pouco mais de 10 mil pessoas foram ao Nilton Santos ver o Flamengo passar fácil pelo Vasco por 2 a 0 e poder perder por um gol na finalíssima, no Maracanã, certamente lotado.

O público carioca foi a exceção, mas que retrata a situação vivida na cidade que é o cartão de visitas do Brasil.

Futebol de qualidade?

Algum em Belo Horizonte e no Rio.

Pouco, muito pouco.

É a triste realidade do futebol brasileiro, a triste realidade dos quatro centros mais vitoriosos de nosso futebol.

Comentário para o Jornal da CBN desta segunda-feira, 15 de abril de 2019.

Sobre o Autor

Juca Kfouri é formado em Ciências Sociais pela USP. Diretor das revistas Placar (de 1979 a 1995) e da Playboy (1991 a 1994). Comentarista esportivo do SBT (de 1984 a 1987) e da Rede Globo (de 1988 a 1994). Participou do programa Cartão Verde, da Rede Cultura, entre 1995 e 2000 e apresentou o Bola na Rede, na RedeTV, entre 2000 e 2002. Voltou ao Cartão Verde em 2003, onde ficou até 2005. Apresentou o programa de entrevistas na rede CNT, Juca Kfouri ao vivo, entre 1996 e 1999. Atualmente está também na ESPN-Brasil. Colunista de futebol de “O Globo” entre 1989 e 1991 e apresentador, de 2000 até 2010, do programa CBN EC, na rede CBN de rádio. Foi colunista da Folha de S.Paulo entre 1995 e 1999, quando foi para o diário Lance!, onde ficou até voltar, em 2005, para a Folha.

Colunas na Folha: https://blogdojuca.uol.com.br/lista-colunas-na-folha/

Mais Blog do Juca Kfouri