Topo
Blog do Juca Kfouri

Blog do Juca Kfouri

Categorias

Histórico

Tecniquês

Juca Kfouri

25/03/2019 17h30

POR RAFAEL KLEIN*

Já temos uma forte candidata para a próxima vaga da Academia Brasileira de Letras: a cadeira de técnico da CBF.

(Pode parecer um desrespeito com os membros da Academia, mas eles convidaram o Sarney primeiro, é bom lembrar).

Vejamos: Guimarães Rosa à parte, ninguém no país conseguiu criar mais neologismos do que as pessoas que sentaram ali.

Bastou o sujeito virar técnico da Seleção (e começar a ser pressionado), que logo ele começa a trazer novas contribuições para o léxico do esporte.

Coutinho trouxe o "Ponto futuro", o "Overlapping" e a "Polivalência".

Lazaroni nos apresentou ao "Pijama-training", ao "Lastro físico" e a "Interação Sinérgica".

Parreira, não chegou a inventar um neologismo, mas mostrou que é bom de realismo fantástico ao dizer que "o gol é apenas um detalhe" e que "a CBF é o Brasil que deu certo".

Leão trouxe "o volante nota 7" para o meio-campo brasileiro.

Dunga também não criou neologismos, mas popularizou os palavrões.

Agora Tite nos apresenta os "Extremos Desequilibrantes" e as "Sinapses no último terço".

O próximo técnico há de trazer o "Movimento de Prevenção", para justificar as faltas, a "Saída Orbital" para os chutões da zaga e o "Massacre Ilusório" para dizer que os 7×1 não foi nada daquilo.

Mas lembrem-se: os professores, coitados, não tem nada a ver com isso.

A culpa é da cadeira.

*Rafael Klein é publicitário.

 

Sobre o Autor

Juca Kfouri é formado em Ciências Sociais pela USP. Diretor das revistas Placar (de 1979 a 1995) e da Playboy (1991 a 1994). Comentarista esportivo do SBT (de 1984 a 1987) e da Rede Globo (de 1988 a 1994). Participou do programa Cartão Verde, da Rede Cultura, entre 1995 e 2000 e apresentou o Bola na Rede, na RedeTV, entre 2000 e 2002. Voltou ao Cartão Verde em 2003, onde ficou até 2005. Apresentou o programa de entrevistas na rede CNT, Juca Kfouri ao vivo, entre 1996 e 1999 e foi colaborador da ESPN-Brasil entre 2005 e 2019. Colunista de futebol de “O Globo” entre 1989 e 1991 e apresentador, de 2000 até 2010, do programa CBN EC, na rede CBN de rádio. Foi colunista da Folha de S.Paulo entre 1995 e 1999, quando foi para o diário Lance!, onde ficou até voltar, em 2005, para a Folha, onde permanece com sua coluna três vezes por semana. Apresenta, também, o programa Entre Vistas, na TVT, desde janeiro de 2018.

Colunas na Folha: https://blogdojuca.uol.com.br/lista-colunas-na-folha/

Mais Blog do Juca Kfouri