Blog do Juca Kfouri

Por que Tite faz questão de ser antipático?

Juca Kfouri

O secretário-menor da CBF, Walter Feldman, ligou para o presidente do Grêmio, Romildo Bolzan, na quarta-feira à noite, e informou que Tite não abre mão de Everton.

Assim, o Grêmio não terá seu melhor jogador no clássico decisivo contra o Palmeiras na 29ª rodada do Brasileirão.

Importante lembrar que Everton é o único atleta convocado entre os que jogam no Brasil.

O episódio revela duas faces de uma mesma moeda: a CBF não tem autoridade sobre o treinador; o técnico revela-se autoritário e não dá a mínima pelota para a antipatia que tem despertado na torcida brasileira.

Estranho, porque Tite nunca foi assim, ao contrário, sempre se mostrou uma pessoa ponderada e em busca do bom senso.

Perder o respaldo popular não é o melhor caminho.