Blog do Juca Kfouri

Pecado em São Januário

Juca Kfouri

O Vasco foi o time brasileiro que pegou o melhor adversário pela frente na Copa Sul-Americana até agora, o bom time da LDU do Equador.

Verdade que o Atlético Paranaense pegou o mais tradicional, mais vitorioso, o Peñarol, mas que vive em baixa, e fez 6 a 1 no placar agregado com o 4 a 1 que impôs ontem, em Montevidéu.

E o Vasco precisava vencer por 2 a 0 hoje em São Januário lotado por quase 20 mil torcedores.

Ganhou só por 1 a 0, com gol no fim do jogo, de Thiago Galhardo, e está eliminado.

Mas teve atuação exemplar, nos dois tempos, ao criar um sem-número de oportunidades de gol e esbarrar ou no goleiro equatoriano Gabbarini ou na falta de felicidade de arremates rentes às traves.

Coisas do futebol.

A LDU deve adorar o Rio.

Lá ganhou uma Libertadores ao vencer o Fluminense nos pênaltis depois de perder no tempo normal e hoje, derrotada novamente, voltou para Quito classificada.

Mas poucas vezes cabe dizer com tanta propriedade: o Vasco caiu em pé.