PUBLICIDADE
Topo

Histórico

Categorias

Blog do Juca Kfouri

Arriba, hermanos!

Juca Kfouri

09/07/2014 19h44

20140709-195345-71625625.jpg

A Argentina pode manter a escrita de não permitir que os europeus ganhem uma Copa do Mundo na América e enfrentará a Alemanha no Maracanã, domingo que vem, às 16h.

Até o fim do tempo normal de Argentina x Holanda, na Arena Corinthians, a única conclusão possível sobre o jogo estudado e extremamente cuidadoso, sem chances claras de gol, era a de que "a soma dos quadrados dos catetos é igual ao quadrado da hipotenusa."

O que isso quer dizer?

Também não sei exatamente e se soubesse não seria jornalista.

O que sei é que o jogo era indecifrável, como o mais difícil dos teoremas.

Ruim o jogo não era, porque tenso, mas também não era bom, embora melhor que o de ontem, porque ontem não teve jogo, me perdoem os alemães.

Nem Messi nem Robben, muito marcados, conseguiam brilhar e o jogo marchou para a prorrogação, depois que, aos 90 minutos, Mascherano salvou a única chance holandesa ao dividir com Robben quase na pequena área.

A prorrogação correu na mesma toada sem emoções, a não ser quando, aos 10 do segundo tempo, Palacio teve a chance argentina e desperdiçou, e no minuto seguinte, Messi fez sua única grande jogada e Maxi Rodriguez bateu fraco.

Duas defesas intransponíveis levaram a semifinal para a marca do pênalti.

Veja como o futebol é: uma semifinal com oito gols e outra sem nenhum.

Romero pegou o primeiro pênalti para a Argentina.

Messi fez 1 a 0!

Robben empatou.

Garay fez 2 a 1 com uma bomba.

Sneidjer bateu e Romero pegou: 2 a 1.

Aguero fez 3 a 1.

A Holanda diminuiu: 3 a 2.

Maxi Rodriguez classificou a Argentina para a final.

Sobre o Autor

Juca Kfouri é formado em Ciências Sociais pela USP. Diretor das revistas Placar (de 1979 a 1995) e da Playboy (1991 a 1994). Comentarista esportivo do SBT (de 1984 a 1987) e da Rede Globo (de 1988 a 1994). Participou do programa Cartão Verde, da Rede Cultura, entre 1995 e 2000 e apresentou o Bola na Rede, na RedeTV, entre 2000 e 2002. Voltou ao Cartão Verde em 2003, onde ficou até 2005. Apresentou o programa de entrevistas na rede CNT, Juca Kfouri ao vivo, entre 1996 e 1999 e foi colaborador da ESPN-Brasil entre 2005 e 2019. Colunista de futebol de “O Globo” entre 1989 e 1991 e apresentador, de 2000 até 2010, do programa CBN EC, na rede CBN de rádio. Foi colunista da Folha de S.Paulo entre 1995 e 1999, quando foi para o diário Lance!, onde ficou até voltar, em 2005, para a Folha, onde permanece com sua coluna três vezes por semana. Apresenta, também, o programa Entre Vistas, na TVT, desde janeiro de 2018.

Colunas na Folha: https://blogdojuca.uol.com.br/lista-colunas-na-folha/

Blog do Juca Kfouri