PUBLICIDADE
Topo

Histórico

Categorias

Blog do Juca Kfouri

Que limpeza, que beleza! E Portugal perdeu o lugar

Juca Kfouri

26/06/2014 14h53

20140626-142949-52189862.jpg

Chovia canivete no Recife, lavado e transbordado, e a Alemanha não queria nem saber de se poupar ou dar motivo para alguém dizer que fez jogo de compadres com os EUA.

Tratou de atacar desde o começo um time que, naturalmente, por bem mais fraco, só se defendia apostando num contra-ataque.

Mas compadrio não tinha e os alemães criaram, sem concluir, pelo menos quatro boas chances.

Gramado pesado, caixa de ferramentas aberta, não faltaram cartões amarelos dos dois lados, inclusive o primeiro alemão na Copa.

A Alemanha voltou com Klose no segundo tempo, mas foi o artilheiro Müller, de apenas 23 anos, quem fez, aos 10, o gol germânico, o quarto dele na Copa, o nono nas Copas, a apenas seis de Klose e Ronaldo: 1 a 0.

Gana, que saíra atrás de Portugal, no Mané Garrincha, empatava 1 a 1 e caso fizesse mais um entraria no lugar do Tio Sam.

Os americanos apostando que tal não aconteceria seguiam se defendendo, com medo de se expor e tomar mais gols, uma bobagem porque, àquela altura, perder de um ou de 10 dava rigorosamente no mesmo.

Literalmente os ianques batiam cabeça, e Bedoya e Jones foram a nocaute na intermediária alemã, assistido por Dempsey.

Mas Cristiano Ronaldo pôs os lusos à frente em Brasília e os sobrinhos de Tio Sam chegaram às oitavas sem sustos maiores.

Já o número 1 da Fifa voltou para Portugal mantendo a tradição de quebrar a cara que caracteriza os melhores do mundo nas Copas recentes, como aconteceu com Ronaldinho Gaúcho, em 2006 e com Lionel Messi, em 2010.

Sobre o Autor

Juca Kfouri é formado em Ciências Sociais pela USP. Diretor das revistas Placar (de 1979 a 1995) e da Playboy (1991 a 1994). Comentarista esportivo do SBT (de 1984 a 1987) e da Rede Globo (de 1988 a 1994). Participou do programa Cartão Verde, da Rede Cultura, entre 1995 e 2000 e apresentou o Bola na Rede, na RedeTV, entre 2000 e 2002. Voltou ao Cartão Verde em 2003, onde ficou até 2005. Apresentou o programa de entrevistas na rede CNT, Juca Kfouri ao vivo, entre 1996 e 1999 e foi colaborador da ESPN-Brasil entre 2005 e 2019. Colunista de futebol de “O Globo” entre 1989 e 1991 e apresentador, de 2000 até 2010, do programa CBN EC, na rede CBN de rádio. Foi colunista da Folha de S.Paulo entre 1995 e 1999, quando foi para o diário Lance!, onde ficou até voltar, em 2005, para a Folha, onde permanece com sua coluna três vezes por semana. Apresenta, também, o programa Entre Vistas, na TVT, desde janeiro de 2018.

Colunas na Folha: https://blogdojuca.uol.com.br/lista-colunas-na-folha/

Blog do Juca Kfouri