Topo

Histórico

Categorias

O choro de Cuca quente

Juca Kfouri

13/11/2010 21h51

Cuca não tem dúvidas: o campeonato está armado para o Corinthians.

Corinthians que, no Parque do Sabiá, perdeu de 1 a 0 para o Cruzeiro em jogo em que a arbitragem não deu um pênalti claro de Henrique em Bruno César, coisa da qual Cuca se esqueceu, em jogo apitado pelo mesmo Sandro Meira Ricci.

O Fluminense que se cuide, Cuca  avisou.

Ele reclama de dois pênaltis em Thiago Ribeiro.

No primeiro, o atacante se atirou.

No segundo, William tirou-lhe o doce da boca, com perfeição.

E ele acha, como muita gente, que não houve pênalti em Ronaldo.

De fato, se vale jogo de corpo, de ombro, nas costas do adversário, não houve pênalti.

Se não vale, foi.

E não vale.

E foi.

Agora, o choro é livre.

Sobre o Autor

Juca Kfouri é formado em Ciências Sociais pela USP. Diretor das revistas Placar (de 1979 a 1995) e da Playboy (1991 a 1994). Comentarista esportivo do SBT (de 1984 a 1987) e da Rede Globo (de 1988 a 1994). Participou do programa Cartão Verde, da Rede Cultura, entre 1995 e 2000 e apresentou o Bola na Rede, na RedeTV, entre 2000 e 2002. Voltou ao Cartão Verde em 2003, onde ficou até 2005. Apresentou o programa de entrevistas na rede CNT, Juca Kfouri ao vivo, entre 1996 e 1999 e foi colaborador da ESPN-Brasil entre 2005 e 2019. Colunista de futebol de “O Globo” entre 1989 e 1991 e apresentador, de 2000 até 2010, do programa CBN EC, na rede CBN de rádio. Foi colunista da Folha de S.Paulo entre 1995 e 1999, quando foi para o diário Lance!, onde ficou até voltar, em 2005, para a Folha, onde permanece com sua coluna três vezes por semana. Apresenta, também, o programa Entre Vistas, na TVT, desde janeiro de 2018.

Colunas na Folha: https://blogdojuca.uol.com.br/lista-colunas-na-folha/

Blog do Juca Kfouri