Blog do Juca Kfouri

Colômbia amarela diante da Inglaterra, reage e perde

Juca Kfouri

A Colômbia foi uma decepção do começo até o fim do jogo contra a Inglaterra.

Não porque perdia, como se esperava, mas porque se acovardou, jogou contra os ingleses como se fosse contra os deuses do futebol.

Abdicou de sua escola moleca e retrancou ridiculamente.

Resistiu no primeiro tempo, fez um pênalti imbecil em Kane no começo do segundo e o artilheiro da Copa se encarregou de converter: 1 a 0.

Mais que justo.

Daí a Colômbia resolveu correr atrás para evitar o prejuízo.

Quer saber?

Há dois times sul-americanos que não se acovardam contra europeu:

Em ordem alfabética, o Brasil e o Uruguai.

O pior é que a Inglaterra também não jogava bulhufas.

Daí, já nos acréscimos, um chute lotérico de Uribe, do meio da rua, obrigou o goleiro Pickford a fazer uma defesa incrível e mandar a escanteio.

Que cobrado, com Ospina na área inglesa, resultou em mais uma cabeçada assassina do ex-palmeirense Mina, para empatar: 1 a 1!

S E N S A C I O N A L!

O que era um porre virou um drama.

Para os ingleses, porque, enfim, mesmo sem James Rodríguez, sempre ausente na hora agá, os colombianos perderam o medo e foram para cima.

Em nome de Bolívar, contra a realeza!

A Colômbia foi superior no primeiro tempo da prorrogação, mas no segundo a Inglaterra criou seguidas chances de gol.

E vieram os chutes da marca da cal para definir o último quarto-finalista, para enfrentar a Suécia.

O capitão Falcão Garcia fez 1 a 0, na perfeição.

O capitão e artilheiro da Copa Kane empatou.

Quadrado bateu redondo e fez 2 a 1.

Rashford empatou.

Muriel fez 3 a 2.

Ospina pegou o terceiro pênalti inglês!

Uribe bateu no travessão…

A Inglaterrra fez 3 a 3.

Bacca bateu e Pickford defendeu!

A Inglaterra fez o quarto gol e está nas quartas!

Em tempo: dos oito times nas quartas, o blog errou só o da Espanha.

Mas o Tostão também…