Blog do Juca Kfouri

Rodriguinho: de ruim a rei

Juca Kfouri

Com a magra vitória do São Paulo sobre o Paraná por 1 a 0, no Morumbi com apenas 11 mil pagantes, e com o empate entre Botafogo e Palmeiras, 1 a 1, no Nilton Santos com só 7 mil torcedores, terminou a primeira rodada do Brasileirão com 27 gols e 13 mil torcedores em média por jogo.

O Grêmio foi mesmo o único a vencer fora de casa e num jogo de seis pontos, porque contra o Cruzeiro, entre dois dos favoritos ao título.

Flamengo e Palmeiras, outros dois favoritos, empataram como visitantes, o Rubro-Negro porque vítima de arbitragem desastrosa.

O atual campeão Corinthians, na lista dos cinco maiores candidatos ao título, fez os três pontos que disputou em casa e viu o jogador que já foi chamado de Ruindriguinho se transformar em Reidriguinho, porque autor de seus últimos quatro gols, contra o São Paulo, Palmeiras e Fluminense.

No futebol é assim: da miséria à glória em 270 minutos.

Rodriguinho é mais uma prova disso.

Comentário para o Jornal da CBN desta terça-feira, 17 de abril de 2018.