Blog do Juca Kfouri

Flu derruba o milionário Fla

Juca Kfouri

O Fla-Flu foi animadíssimo.

Diante de 19 mil torcedores no Nilton Santos, o Fluminense jogou melhor no primeiro tempo, criou três ótimas oportunidades de gol e fez um, com Gum, já no finzinho.

Ao Flamengo, que precisava vencer, restou uma chance, que Henrique Dourado perdeu perplexo diante da defesa de Júlio César.

A torcida rubro-negra homenageou sua torcedora barbaramente executada, Marielle Franco.

E o Flamengo voltou com Vinícius Júnior, no lugar de Renê.

Ele botou fogo no estádio e o Flu tratou de jogar nos contra-ataques.

Aos 25, Júlio César evitou o empate e aos 26 Gilberto perdeu o segundo gol, em contra-ataque, em passe de Jadson, o melhor em campo.

Aos 32, Felipe Viseu entrou no lugar de Dourado que saiu vaiado pelas duas torcidas. É feia a crise…

Em seguida Gum impediu o segundo gol tricolor ao tocar, em posição irregular, numa bola que entraria em falha de Diego Alves.

Aos 40, Everton fez um golaço ao pegar rebote de primeira e de esquerda de fora da área: 1 a 1.

Aos 46, Vinícius Júnior teve a chance da virada, bateu cruzado e tirou lasca da trave.

O Fla foi para a pressão total, até o goleiro foi para área, mas o Flu resistiu.

Comparados os investimentos o resultado é preocupante para o Flamengo e brilhante para o Flu que enfrentará o Botafogo na final da Taça Rio.