Blog do Juca Kfouri

Flamengo na final, fácil, fácil!

Juca Kfouri

Flamengo e Boavista vão decidir a Taça Guanabara.

Tudo para oRubro-Negro ganhar sua 21ª taça, oito a mais que o Vasco, o segundo maior ganhador.

Em Volta Redonda, com o estádio mais vazio que cheio, apenas 7 mil torcedores, Henrique Dourado estreou fazendo gol, o segundo do Mengo, logo no começo do segundo tempo.

O primeiro havia sido feito por Éverton, no fim da etapa inicial.

O Botafogo simplesmente não existiu, a ponto de não chutar uma bola sequer no gol do rival durante todos os 45 minutos iniciais.

A realidade do momento é clara: não existe adversário para o Flamengo no Rio.

O que não pode servir para imaginar que assim é também no Brasil ou na América do Sul.

Porque Palmeiras, Cruzeiro, Grêmio, River Plate e Boca Juniors são outra coisa.

O Botafogo que se cuide porque se continuar desse jeito jeito lutará só para não ser rebaixado, embora tenha achado um gol, no meio do segundo tempo, com Kieza, que assustou, mas não preocupou.

Mesmo porque o Flamengo jogava pelo empate.

Venceu por 3 a 1, com freio de mão puxado desde que fez 2 a 0, mais desgastado que o adversário, porque voltou de férias bem depois.

Mesmo assim, esteve mais perto do terceiro gol do que de sofrer qualquer ameaça de empate.

E fez o terceiro com um golaço de Vinicius Júnior já nos acréscimos.

Ele comemorou provocando com o chororô e o tempo quase fechou.