Blog do Juca Kfouri

Final única na Libertadores?

Juca Kfouri

A América do Sul está longe da Europa e nem tudo que é feito lá dará, necessariamente, certo aqui.

Por que, em vez de fazer final em jogo único como na Liga dos Campeões, a Conmebol não trata dos gramados e da segurança dos estádios na Libertadores?

Imagine uma final entre Olimpia, do Paraguai, e São Caetano, como em 2002, no Estádio Nacional de Santiago do Chile.

Ou entre Atlético Nacional, da Colômbia, e Independiente del Valle, do Equador, no Maracanã.

Será que haverá torcida?

As distâncias são incomparáveis, o poder aquisitivo idem, e a atração despertadas pelos clubes também.

Barcelona x Bayern Munique em Moscou dá pé.

Já o colombiano Once Caldas contra o chileno Cobreloa no Monumental de Nuñes, em Buenos Aires, sei não.

Parece um tiro n’água.