Blog do Juca Kfouri

Marco Mora (1946-2018)

Juca Kfouri

Foi cremado hoje o corpo de Marco Mora.

Depois de cinco décadas dedicadas a fazer televisão com qualidade, já aposentado, Marquinho morreu vítima de fibrose pulmonar.

Nos conhecemos no começo dos anos 1970, quando ele trabalhava na extinta TV Tupi.

Depois trabalhamos juntos na TV Globo, entre 1988 e 1994.

Era um profissional obcecado pela excelência.

Um dia me disse, queixoso, algum tempo depois que Boni deixara de comandar a Globo:

“Com o Boni éramos massacrantemente campeões de audiência e nunca estávamos felizes. Hoje já é não é mais assim e estamos satisfeitos.”

Ele era isso, obsessivo nos mínimos detalhes, a ponto de um dia, quando eu comentava um jogo qualquer, intervir logo depois de uma intervenção minha: “Juca, você disse que foi ‘corner’! Não, Juca, nunca! Foi ESCANTEIO!”

Vizinhos que éramos, algumas vezes, nos últimos tempos, almoçamos juntos.

Marquinho não estava feliz.

Nem de longe, no entanto, eu imaginava o que se passava com sua saúde.

Ontem, recebi uma mensagem de Casagrande, dando conta de que ele estava hospitalizado e que seus pulmões tinham parado de funcionar.

Horas depois, veio a notícia fatal.

Não tive coragem de ir ao velório.

Quis preservar a imagem dele vivo, inquieto, crítico.

Não vou me conformar em não encontrá-lo nas minhas caminhadas pelo bairro.