Blog do Juca Kfouri

A culpa de quem paga

Juca Kfouri

Não adianta patrocinador algum da CBF dizer que defende a ética e a transparência e continuar a dar dinheiro como faz o Itaú desde 2008.

Depois da renúncia de Ricardo Teixeira, pego pelas Justiças da Espanha, da Suíça e dos Estados Unidos, o que o banco esperava?

Limpeza com José Maria Marin?

E depois da prisão dele?

Transparência com Marco Polo Del Nero?

Mesmo que ele nem possa viajar?

Não adianta, também, patrocinador dizer que patrocina a Seleção Brasileira, não a CBF, porque a grana é gerida pelos cartolas que, por sinal, não pagam os salários dos jogadores que a servem.

Basta de hipocrisia e cinismo.

Melhor assumir que não estão nem aí para a decência.

Porque se antes até podiam alegar boa-fé e ignorância, tudo está claro demais para continuar como se nada estivesse acontecendo.