Blog do Juca Kfouri

Zé Roberto se despede com boa vitória alviverde

Juca Kfouri

Na despedida do extraordinário Zé Roberto, aos 43 anos e melhor jogador brasileiro na Copa do Mundo de 2006, o Palmeiras jogou até a metade do primeiro tempo como se já estivesse em férias.

Mas se tocou que não e levou perigo à meta do Botafogo depois do 22º minuto.

Em busca de vaga na Libertadores, o Botafogo se limitava a se defender.

Até que, no começo do segundo tempo, Keno cruzou, Borja não chegou a tempo e Dudu entrou no segundo poste para fazer 1 a 0, aos 10.

O Flamengo e o Vasco comemoravam e o Palmeiras assumia a vice-liderança do Brasileirão, pouco para o que planejou, mas, de qualquer forma, melhor que o terceiro ou quarto lugares.

Em seguida, aos 18, Keno, melhor em campo, fez um golaço, pela direita, de pé esquerdo, no ângulo de Gatito Fernandez.

O Palmeiras se despedia de sua casa em 2017 com bom estilo, jogava e não deixava o Glorioso jogar.

A vida ficou complicada para os cariocas que encerram sua participação contra o Cruzeiro, no Nilton Santos, enquanto o Palmeiras vai à Arena da Baixada para garantir o vice.

Muito obrigado, Zé Roberto!