Blog do Juca Kfouri

Uma chapa diferente na eleição no Corinthians

Juca Kfouri

POR CHAPA 54 – SÓ CORINTHIANS

A Chapa 54 – Só Corinthians, que concorre ao Conselho Deliberativo do Corinthians nas eleições de fevereiro de 2018, é formada por corinthianos de arquibancada, também associados e frequentadores assíduos do clube.

Nascemos, crescemos, nos conhecemos e nos juntamos nas arquibancadas pelo Brasil, no piso duro de concreto apoiando e defendendo o Corinthians. Tomando sol ou chuva, cantando os 90 minutos, assim como surgiram alguns dos principais movimentos que mudaram a história do clube.

Somos 25 corinthianos (bom que se frise, porque nem todas as chapas possuem apenas candidatos corinthianos), homens e mulheres que torcem para que o Corinthians seja cada vez maior. Mas vamos além de torcer: doamos ao clube nosso dinheiro, nossa energia e nosso tempo.

Queremos ser algo que o Corinthians nunca teve em seu Conselho Deliberativo: um grupo que lutará pelo fim dos privilégios aos conselheiros e amigos do presidente (se não é para todo associado ou para toda torcida do Corinthians, simplesmente não é), que fiscalizará os contratos, que quer a abertura de contas do clube, que brigará para popularizar a nossa Arena fazendo jus ao bairro onde foi construída e à história do Corinthians, que quer honrar as dívidas do clube sem fazer nenhum tipo de vista grossa.

Um grupo que vai trabalhar por uma infraestrutura melhor para o associado do Parque São Jorge e também para trazer mais associados ao Parque São Jorge. E que vai lutar pela festa da arquibancada, nosso berço, e pela torcida do Corinthians, nosso maior patrimônio.

Não apoiaremos nenhum candidato à presidência do clube.

Cumpriremos o nosso papel de fiscalizar as ações da próxima diretoria (seja ela qual for), apoiar decisões (quando essas forem boas para o Corinthians), sugerir outros caminhos e cobrar, se necessário.

Todos nós trabalhamos, pagamos nossos ingressos e não precisamos nos beneficiar do Corinthians.

Vivemos para o Corinthians e não do Corinthians.

Porque ele é o time do povo e é o povo quem vai fazer o time.