Blog do Juca Kfouri

Pernambuco não merece

Juca Kfouri

O Santa Cruz e o Náutico caíram para Série C.

O Sport está ameaçado de cair para a Série B.

Pernambuco é a terra de Rivaldo, um dos melhores jogadores da história do futebol mundial.

Também de Ademir de Menezes, o Queixada.

Do goleiro Manga.

De Almir Pernambuquinho, a quem o Santos deve um título mundial, ao substituir Pelé nas finais contra o Milan, em 1963.

De Juninho Pernambucano.

De Vavá, o Peito de Aço, o centroavante bicampeão mundial pela Seleção Brasileira em 1958/62.

Além de Givanildo, de Nado,  Biro-Biro, tantos.

Mas o futebol pernambucano está em ruínas.

Porque se submete e vota em quem mantém uma divisão desigual de recursos para os clubes de menos poder político, a nefasta CBF.

Porque os cartolas não honram a tradição de rebeldia da Batalha dos Guararapes e ainda fazem bobagens como acreditar em Vanderlei Luxemburgo.

Pernambuco não é terra de pernas de pau.

Mas de cartolas caras de pau, que deveriam se impor com a altivez dos nordestinos.

Até quando?