Blog do Juca Kfouri

O hepta e o otimista

Juca Kfouri

(Sobre a canção “O bêbado e a equilibrista”, de João Bosco e Aldir Blanc)

Letra ditada em pesadelo. Psicografada

POR LUIZ GUILHERME PIVA
Corinthians

Ganhaste o primeiro turno

E para meu maior orgulho

Ainda foi invicto

Nas ruas

Se vê no rosto da fiel

O riso de quem todo dia

Ganha mais um troféu.
E surges

Já como campeão, eu sei

E tua conquista é saudada

Pelo povo

Rouco

Porque neste bando de loucos

Gritamos do começo ao fim

Pro maior do Brasil, do Brasil
E o sonho

De avós, de pais, irmãos e filhos

Depois de anos de martírio

Agora é para sempre!

Glória

Que, conquistada em sacrifício,

Tem como marco de início

O chute do Basílio.
Pois sei

Que aquele gol tão importante

Fez renascer mais confiante

Nossa força

Moço

Desde aquele santo dia

O Todo Poderoso iria

Somente triunfar
Azar

De todos os que estão na fila

Porque a saga do Corinthians

Há de continuar!