Blog do Juca Kfouri

A ilusão dos técnicos brasileiros de futebol

Juca Kfouri

Um punhado de técnicos se reuniu ontem na CBF e levou suas reivindicações ao presidente da entidade, o Marco Polo que não viaja.

Enquanto os treinadores pediam mais estabilidade no emprego, o  Vasco demitia o técnico Milton Mendes que deverá ser substituído por Zé Ricardo, demitido pelo Flamengo há 15 dias.


Como se vê, o desemprego dos treinadores dura bem menos tempo do que o sofrido por mais de 14 milhões de trabalhadores brasileiros.

O que nossos técnicos não percebem, ou fingem não perceber, é que ao apelarem ao Marco Polo que não viaja para que ele faça gestões junto à Confederação Sul-Americana  de Futebol para conseguir que os cursos de treinadores deste lado do mundo sejam aceitos na Europa, seus apelos soam inúteis.

Porque Marco Polo não pode sair do Brasil sob pena de ser preso pela Interpol.

Certas coisas exigem marcação homem a homem, obrigam a presença física do presidente da CBF, não dá para fazer por telefone, WhatsApp ou FaceTime.

E ser liberado pela Interpol é algo que nem Gilmar Mendes consegue.

Comentário para o Jornal da CBN desta terça-feira, 22 de agosto de 2017, que você ouve aqui.